+

19/09/2012

Brasil poderá ter ônibus de dois andares


Brasil poderá ter ônibus de dois andares

Desenvolvida inicialmente para atender o mercado de turismo, a carroceria do ônibus urbano sem teto Viale Double Decker Sunny da Marcopolo poderá vir a ser utilizada para rodar em linhas urbanas regulares das cidades brasileiras. A projeção é do gerente de estratégia e marketing da encarroçadora, Walter Cruz, que aposta no crescimento das entregas do modelo conversível a partir do desenvolvimento contínuo do turismo no País, principalmente no advento dos eventos esportivos internacionais, como Copa do Mundo de2014 e Olimpíadas de 2016.

Atualmente, o ônibus conversível é utilizado apenas em viagens aos moldes dos passeios de sightseeing realizados no exterior, em cidades como Paris e Nova York. No Brasil, o modelo nasceu há dez anos, para atender a demanda turística em Foz do Iguaçu, no Paraná.

"Hoje, em sua nova geração, o Viale Double Decker tem sido muito bem aceito no mercado nacional, tanto que já iniciamos conversas com representantes do Rio de Janeiro para estudar a introdução do veículo em rotas turísticas", conta.

Em abril deste ano, a empresa entregou a primeira unidade para utilização em pontos turísticos de Porto Alegre (RS). Com 4 metros de altura, a nova geração do ônibus conversível é montada sob chassi Mercedes-Benz O500U, de piso baixo e de 12,5 metros de comprimento e capacidade para transportar 74 passageiros sentados, sendo 57 no piso superior e 17 no piso inferior. O Viale DD Sunny é equipado com transmissão automática, sistema de segurança para que o ônibus não se movimente com as portas abertas e sistema de áudio especial com três canais para diversos idiomas, além de saídas individuais em cada poltrona, fone de ouvido e microfone. No piso inferior, o traz sistema de ar-condicionado com saídas individuais e vidros laterais panorâmicos e no piso superior, as poltronas têm revestimento plástico especial para resistir à exposição.