+

06/09/2016

Conheça as diferenças básicas entre o Diesel S-10 e o Diesel S-50


Conheça as diferenças básicas entre o Diesel S-10 e o Diesel S-50

Ambos servem para os motores de ônibus e caminhões que atendem à atual legislação de restrição de emissão de poluentes. Mas além de poluir menos, S-10 pode ampliar durabilidade do motor, segundo Petrobrás.

As montadoras de ônibus e caminhões no Brasil só podem fabricar desde janeiro de 2012 e comercializar desde março do mesmo ano veículos que seguem as exigências da Sétima Fase do Proconve – Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores. O Proconve P 7 se baseia nas normas internacionais Euro 5. A Europa está entrando na fase Euro 6.

Os ônibus e caminhões brasileiros que seguem os parâmetros Euro 5 (que às vezes aparece escrito como Euro V) podem reduzir em até 63% a emissão de Óxidos de Nitrogênio NOx e em até 80% a emissão de materiais particulados, na comparação com a tecnologia que era adotada até 2011, a Euro 3. A fase Euro 4 foi “pulada” depois da pressão de frotistas de ônibus e caminhões, que relutaram em comprar os veículos novos menos poluentes, pelo custo de aquisição maior. A resistência provocou uma queda na venda de veículos a diesel pesados em 2012. Em 2013, o mercado se recupera e tem boas perspectivas.

Os ônibus e caminhões Euro 5 não podem ser abastecidos com qualquer tipo de diesel.

São necessários o Diesel S-50 ou o Diesel S -10. O S-50 tem 50 partículas por milhão de enxofre e o S-10 tem 10 partículas por milhão enxofre.

Fonte: Blog Ponto de Ônibus

 

Imagem: Bigstock by studiog