+

24/10/2017

Grupo chinês Baidu promete ônibus sem motorista já para 2018


Grupo chinês Baidu promete ônibus sem motorista já para 2018

O grupo chinês Baidu promete lançar um ônibus autônomo no mercado em breve, muito provavelmente em 2018. O anúncio foi feito nesta quarta-feira, dia 18, por Robin Li, CEO da empresa conhecida como a “Google” da China”, em uma entrevista ao The Wall Street Journal D.Live em Laguna Beach, Califórnia. Em janeiro de 2016 a empresa já anunciara que em três anos lançaria ônibus autônomos às ruas. A gigante chinesa está cooperando com várias empresas de carros autônomos e especificamente com uma fabricante na China para levar um ônibus autônomo em 2018. Dentre as empresas participantes do consórcio chinês está a Microsoft, que colabora com o grupo Baidu, no desenvolvimento de tecnologias em veículos autônomos em todo o mundo, como anunciaram os dois grupos em julho do ano passado. Vários fabricantes de carros e titãs tecnológicos, inclusive a matriz da Google, Alphabet, vêm realizando esforços para desenvolver veículos autônomos apostando que esses sistemas irão eliminar os acidentes de trânsito num futuro próximo. A Apple inclusive já tem autorização para realizar testes no estado da Califórnia, que já tem avançado em regulações específicas de trânsito para tais fins. A Tesla, com sede nos EUA, garante que seus veículos já saem de fábrica com hardware para direção autônoma, caso as autoridades permitam essa tecnologia. A Intel, fabricante de chips americana, tem parceria com a Waymo, divisão autônoma da Alphabet dedicada a fabricar veículos, que prevê construir carros semiautônomos em dois anos. Robin Li afirma que a Baidu tem um “plano sólido” para que sua plataforma de softwares Apollo produza carros totalmente autônomos já com vistas ao ano de 2021, e parcialmente autônomos a partir de dois anos.   Fonte: Diário do Transporte Alexandre Pelegi   Imagem: Divulgação