+

26/06/2014

Scania quer aumentar participação no mercado em 2014


Scania quer aumentar participação no mercado em 2014

A Scania reuniu a imprensa para apresentar o desempenho da marca no ano de 2013. Se em volume de vendas de caminhões tudo parece andar bem, a empresa sueca busca melhorar sua participação no mercado de ônibus. Mesmo com percentual semelhante ao crescimento do setor, o volume de veículos licenciados pela empresa pode ser considerado baixo. Em 2011, por exemplo, foram comercializados aproximadamente 1.400 ônibus.

Naquele ano, levou-se em conta a antecipação de compra realizada no ultimo trimestre de 2011, quando muitos empresários ainda optaram pela aquisição de modelos equipados com motorização Euro III. Por este motivo, todo o mercado sentiu os efeitos da modificação de tecnologia, inclusive a própria Scania, que, no ano seguinte, licenciou apenas 1.037 unidades. Em 2013, revelou leve recuperação, de quase 10%, fechando o ano com 1.126 chassis para ônibus licenciados.

 

Bons frutos

Para melhorar a participação no segmento de ônibus e ter ainda mais motivos para comemorar, a Scania aposta na aproximação com grandes clientes operadores de linhas rodoviárias e urbanas. Para tal, a estratégia de marca passa também pela ampliação das vendas para frotistas que atuam e exploram linhas de turismo e fretamento, o que deve garantir maior participação nas vendas dos modelos de chassis para ônibus rodoviários. O desafio maior, porém, é o mercado de ônibus urbanos, que atrai muitos compradores. Para os executivos da empresa, a Scania possui um dos melhores produtos da categoria.

“O momento é de retomada do mercado. Todas as marcas têm produtos para apresentar, inclusive nós, da Scania, que queremos ampliar a nossa participação no segmento de ônibus urbanos e acreditamos ter um dos produtos que proporciona melhor relação custo benefício para o empresário” finaliza o chefe de vendas da marca, Eduardo Monteiro.

Fonte: Revista Ônibus – Edição 81